LIEV TOSTÓI

Olá pessoal!! Nesses 10 próximos posts falarei sobre cada um dos autores dos 10 melhores livros de todos os tempos publicado neste blog. É fascinante conhecer cada autor e cada detalhe da sua trajetória. Espero que gostem! Apresento-lhes LIEV TOLSTÓI.

liev1

Lev Nikolayevich Tolstoi, mais conhecido em português como Leon, Leo ou Liev Tolstoi nasceu numa família nobre, em Yasnaia Poliana, na Rússia, em 9 de setembro de 1828, Leon Tolstoi ficou órfão aos nove anos e foi educado por preceptores.  Tolstói pregou uma vida simples, pacifista; era um homem da natureza. Nascido de uma família nobre, se voltou contra o governo e a igreja. Posicionou-se a favor da paz, da educação popular dos camponeses e classes mais pobres, em oposição aos valores das classes privilegiadas.

tolstoi3

Em 1843, iniciou o curso de letras e direito na Universidade de Kazan. Depois de formado, passou um período em Moscou e logo se alistou na guarnição do Cáucaso, seguindo seu irmão Nicolenka, oficial do exército russo.

No Cáucaso, escreveu o livro “Infância” e a primeira parte de “Memórias”. “Infância” foi publicado em 1852 e alcançou grande êxito. Depois de nomeado suboficial, em 1854, Tolstoi voltou brevemente a sua terra natal, mas retornou à vida militar, participando da Guerra da Crimeia.

Em 1856, abandonada a carreira militar, Leon Tolstoi passou a viver em sociedade, ampliando suas relações pessoais. Viajou à Europa, visitando diversos países. Ao regressar, isolou-se em sua propriedade rural, determinado a dedicar-se à literatura. Casou-se nesse período com Sofia Bers, com quem teve 13 filhos, dos quais apenas 10 sobreviveram.

tolstoi2.jpg

Em 1865, iniciou a elaboração de “Guerra e Paz”, uma das maiores obras literárias de todos os tempos. Trata-se de um extenso romance que aborda as guerras napoleônicas e traça um quadro da sociedade russa do século 19.

Em fins da década de 1870, Leon Tolstoi escreveu o romance psicológico “Ana Karenina”, que também obteve grande repercussão. Aos poucos suas inclinações voltaram-se para a religião. Leon Tolstoi tornou-se pouco a pouco um cristão evangélico, uma espécie de apóstolo, pregando para os seus. Ao renegar a religião ortodoxa, acabou excomungado pela Igreja.

liev 4.jpg

Suas posições políticas também se radicalizaram, tendendo ao anarquismo. Tolstoi criou uma escola alternativa, para a qual chegou a redigir os livros didáticos.Suas convicções cada vez mais exaltadas atraíam a atenção de místicos do mundo inteiro. Ao mesmo tempo, ampliava-se sua fama de grande romancista.

Distanciando-se cada vez mais de sua família, Tolstoi decidiu entrar para um mosteiro. Planejou a fuga e, no dia 31 de outubro de 1910, finalmente embarcou num trem, acompanhado apenas da filha Alexandra e de um criado. Com a saúde abalada, foi obrigado a descer na cidadezinha de Astapovo, sendo acolhido pelo próprio agente da estação.

O fato tornou-se público e telegramas e visitas começaram a chegar de toda a Rússia e de outras partes da Europa. Leon Tolstoi resistiu apenas alguns dias, falecendo pouco depois, em 20 de novembro de 1910, em Astapovo.

PRINCIPAIS OBRAS

  • Infância(1852)
  • Adolescência(1854)
  • Juventude (1856)
  • Crônicas de Sebastopol(1855-1856)
  • A felicidade conjugal(romance, 1858)
  • Cossacos(romance, 1863) – descreve a vida deste povo.
  • Guerra e Paz(romance, 1865-1869) – é uma monumental obra, na qual Tolstoi descreve dezenas de diferentes personagens durante a invasão napoleônica de 1812, na qual os russos incendiaram Moscou ou Moscovo.
  • Anna Karenina(romance, 1875-1877) – conta as histórias paralelas de uma mulher presa nas convenções sociais e um proprietário de terras filósofo (reflexo do próprio Tolstoi), que tenta melhorar a vida dos seus servos.
  • Confissão(1882)
  • O reino de Deus está em vós(ensaio, 1894)
  • A morte de Ivan Ilitch(romance, 1886)
  • A sonata a Kreutzer(romance, 1889)
  • O que é arte?(ensaio, 1898)
  • Padre Sérgio(conto, 1898)
  • Ressurreição(romance, 1899)
  • Babine – o parvo(peça de teatro infantil)
  • Obras Pedagógicas
  • Não posso me calar
  • Hadji Murat(romance, escrito entre 1896 e 1904, publicado em 1912)
  • Contos populares
  • O Diabo e Outras Histórias(compilação de contos)
  • Falso Cupom(conto, 1904)
  • Contos da Nova Cartilha- 2005 (fábulas, histórias verídicas, contos folclóricos, contos maravilhosos para crianças)
  • Kholstomér, a História de um Cavalo
  • Carta para um hindu, 1908
  • Calendário da Sabedoria, 1910
  • Ensaios e cartas, 1911 (edição inglesa: Essays and letters, Oxford University Press, 1911)
  • O cadáver vivo, 1911 (peça teatral)

FRASES E PENSAMENTOS

liev2

Selecionei algumas frases conhecidas desse grande escritor:

“Aquele que conheceu apenas a sua mulher, e a amou, sabe mais de mulheres do que aquele que conheceu mil”.

“Os homens distinguem-se entre si também neste caso: alguns primeiro pensam, depois falam e, em seguida, agem; outros, ao contrário, primeiro falam, depois agem e, por fim, pensam”.

“A arte é um dos meios que une os homens”.

“Aquilo que foi e que será, e até mesmo aquilo que é, não somos capazes de saber, mas quanto àquilo que devemos fazer, não apenas somos capazes de saber, como também o sabemos sempre, e somente isso nos é necessário”.

“Falar mal dos outros agrada tanto ás pessoas que é muito difícil deixar de condenar um homem para comprazer os nossos interlocutores.”  

“É o destino imutável de todos os atores ativos que, quanto mais altamente colocados estiverem na hierarquia humana, menos livres serão.”  

“O inverosímil em matéria de sentimentos é o sinal mais seguro da verdade.”  

“Não há grandeza quando não há simplicidade.”  

“Em verdade, as coisas boas acontecem a despeito de nossos desejos, por vezes até mesmo em oposição ao que desejamos, e muitas vezes, após nossa excitação e sofrimento por causa de coisas sem mérito.”  

“Compreender tudo, é tudo perdoar.”  

“Os que se chamam grandes homens são etiquetas que dão o seu nome aos acontecimentos históricos; e assim como as etiquetas, não têm relação com esses acontecimentos.”  

“A alegria de fazer um bem é a única felicidade verdadeira” 

“Compreender tudo, é tudo perdoar.” 

“O segredo da felicidade não é fazer sempre o que se quer, mas querer sempre o que se faz.” 

“O lugar que ocupamos é menos importante do que aquele para o qual nos dirigimos.” 

“Difícil é amar uma mulher e simultaneamente fazer alguma coisa com juízo.” 

“O amor começa quando uma pessoa se sente só e termina quando uma pessoa deseja estar só.” 

“Não é possível ser bom pela metade.” 

“Cada um viveu tanto, quanto amou.” 

Bom pessoal, espero que tenham gostado desse post. No próximo falaremos sobre Miguel de Cervantes!! Obrigado

Referências:

http://pensador.uol.com.br/autor/leon_tolstoi/
http://leitoresdepressivos.com/2014/09/5-motivos-para-ler-leon-tolstoi/
http://educacao.uol.com.br/biografias/leon-tolstoi.htm

 

 

Anúncios

5 comentários sobre “LIEV TOSTÓI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s