Livros lidos 2017

Bom dia pessoal, quanto tempo!!! Pois é, minha vida continua corrida: casa, trabalho, filho e faculdade rsr. 2017 foi um ano de mudanças e amei cada uma delas!Enfim, não consegui bater a minha meta que era de 62 livros em 2016, fiquei somente nos 18. Senti tanta falta da leitura, da mágica que é se aventurar em cada história……mas estou voltando aos poucos rs. Então, segue os livros lidos em 2017 com seus resumos do skoob!!

livros lidos 2017

1º A Química – Stephenie Meyer;

Ela trabalhava para o governo americano, mas poucas pessoas sabiam disso. Especialista em seu campo de atuação, era um dos segredos mais bem guardados de uma agência tão clandestina que nem sequer tinha nome. E quando perceberam que ela poderia ser um problema, passam a persegui-la. A única pessoa em quem ela confiava foi assassinada. Ela sabe demais, e eles a querem morta. Agora ela raramente fica em um mesmo lugar ou usa o mesmo nome por muito tempo.
Até que um antigo mentor lhe oferece uma saída — uma oportunidade de deixar de ser o alvo da vez. Será preciso aceitar um último trabalho, e a única informação que ela recebe a esse respeito só torna sua situação ainda mais perigosa. Ela decide enfrentar a ameaça e se prepara para a pior batalha de sua vida, mas uma paixão inesperada parece diminuir ainda mais suas chances de sobreviver. Enquanto vê suas escolhas se evaporarem rapidamente, ela vai usar seus talentos como nunca imaginou.
Uma trama repleta de tensão, na qual Meyer cria uma heroína poderosa e fascinante, com habilidades diferentes de todas as outras, e prova mais uma vez por que seus livros estão entre os mais vendidos do mundo.

2º A prisão do Rei – Victoria Aveyard;

Mare Barrow foi capturada e passa os dias presa no palácio, impotente sem seu poder, atormentada por seus erros. Ela está à mercê do garoto por quem um dia se apaixonou, um jovem dissimulado que a enganou e traiu. Agora rei, Maven continua com os planos de sua mãe, fazendo de tudo para manter o controle de Norta — e de sua prisioneira.

Enquanto Mare tenta aguentar o peso sufocante das Pedras Silenciosas, o resto da Guarda Escarlate se organiza, treinando e expandindo. Com a rebelião cada vez mais forte, eles param de agir sob as sombras e se preparam para a guerra. Entre eles está Cal, um prateado em meio aos vermelhos. Incapaz de decidir a que lado dedicar sua lealdade, o príncipe exilado só tem uma certeza: ele não vai descansar enquanto não trouxer Mare de volta.

3º Não de enrola não – Isabela Freitas;

A vida de Isabela dá uma completa reviravolta depois do sucesso de seu blog, Garota em Preto e Branco. Decidida a perseguir seus sonhos, ela abandona o curso de direito, deixa a casa dos pais, em Juiz de Fora (MG), e se muda para São Paulo tão logo conquista um emprego numa badalada revista on-line. Enquanto se adapta aos novos tempos numa quitinete no Baixo Augusta, Isabela escreve seu primeiro livro.
Seria perfeito se no apartamento em frente não morasse o envolvente Pedro Miller e os dois não se embolassem regularmente sob o mesmo lençol. Não, não é namoro. Não, não é apenas amizade. É algo muito mais enrolado, um relacionamento sem um nome definido. Um “isso”, como diz a personagem. Embora não tenha coragem de confessar seus sentimentos, Isabela sabe que está perdidamente apaixonada pelo seu melhor amigo.
Após Não se apega, não e a sequência, Não se iluda, não, Isabela Freitas mostra neste Não se enrola, não os primeiros passos de seus personagens na vida adulta, com toda a independência e as responsabilidades que ela proporciona.

4º Porque fazemos o que fazemos? – Mário Sérgio Cortella;

Bateu aquela preguiça de ir para o escritório na segunda-feira? A falta de tempo virou uma constante? A rotina está tirando o prazer no dia a dia? Anda em dúvida sobre qual é o real objetivo de sua vida? O filósofo e escritor Mario Sergio Cortella desvenda em Por que fazemos o que fazemos? as principais preocupações com relação ao trabalho. Dividido em vinte capítulos, ele aborda questões como a importância de ter uma vida com propósito, a motivação em tempos difíceis, os valores e a lealdade – a si e ao seu emprego.
O livro é um verdadeiro manual para todo mundo que tem uma carreira mas vive se questionando sobre o presente e o futuro. Recheado de ensinamentos como “Paciência na turbulência, sabedoria na travessia”, é uma obra fundamental para quem sonha com realização profissional sem abrir mão da vida pessoal.

5º A compacta história da segunda guerra – A.A. Evans e David Gibbons;

Quais foram os eventos que desencadearam a Segunda Guerra Mundial; Forças Armadas do Eixo e dos Aliados; tanques, aviões, navios e armas de guerra de cada exército; panoramas estratégicos de ataques; rotas de invasões a cada país ocupado; Pearl Harbor; Stalingrado; Auschwitz; Holocausto; bombardeios; atrocidades; bomba atômica; movimentos de resistência; rendições; crimes de guerra e julgamentos. A compacta história da Segunda Guerra apresenta todos os detalhes desse episódio tão controverso da história mundial. Claro e conciso, o livro é ilustrado com mais de 400 fotografias e mapas, biografias dos principais líderes e generais e avaliação dos exércitos, bem como de seus armamentos, além de uma linha do tempo contínua que retrata, mês a mês, os desdobramentos da guerra. Por ser altamente informativo, é um excelente material para historiadores e outros profissionais, tornando-se uma referência rápida para especialistas e entusiastas do assunto, além de uma leitura histórica informativa para o público em geral. Encontre neste livro: – Linha do tempo da Segunda Guerra Mundial, de 1939 a 1945; – Descrição e fotos de armas, incluindo aviões, tanques, foguetes, navios e submarinos; – Rotas de campanhas, invasões e ataques com mapas e textos explicativos; – Estratégias e táticas, incluindo operações aéreas e anfíbias. Sobre os autores: Anthony A. Evans e David Gibbons trabalharam com publicações por mais de 30 anos. Criaram, produziram e editaram uma grande variedade de livros e gráficos de História.

6º Antes que ele mate – Blake Pierce;

Nos milharais de Nebraska uma mulher é encontrada assassinada, pendurada em um poste de madeira, vítima de um assassino demente. Não é preciso muito tempo para que a polícia perceba que um serial killer está à solta—e que sua diversão está apenas no começo.
A Detetive Mackenzie White, jovem, durona, e mais inteligente do que os homens machistas e velhos da sua força local, é chamada a contragosto, para ajudar a resolver o caso. Por mais que os outros oficiais odeiem admitir isso, eles precisam de sua mente jovem, brilhante, que já ajudou a resolver casos arquivados que os deixaram perplexos. No entanto, mesmo para Mackenzie este novo caso parece um enigma impossível, algo que ela—e a força local— nunca viram em tempo algum.
Com o FBI no caso, juntos, dá-se prosseguimento à uma caçada intensa. Mackenzie, sofrendo com seu passado triste, seus relacionamentos fracassados, e sua inegável atração pelo novo agente do FBI, encontra-se lutando contra os seus próprios demônios enquanto a caça ao assassino a leva para os lugares mais sombrios de sua mente. Quando ela investiga a mente do assassino, obcecada por sua psicologia distorcida, ela descobre que o mal realmente existe. E apenas espera que não seja tarde demais para livrar-se dele, já que toda a sua vida está desmoronando ao seu redor.
À medida que mais corpos aparecem e começa uma corrida frenética contra o tempo, não há nenhuma opção a não ser encontrá-lo antes que ele mate novamente.
Um thriller psicológico sombrio com um nível de suspense que acelera o coração, ANTES QUE ELE MATE marca a estreia de uma nova série fascinante — e uma querida nova personagem — que farão você virar páginas até tarde da noite.

7º Antes que ele veja – Blake Pierce;

Em ANTES QUE ELE VEJA (Um Enigma Mackenzie White—Livro 2), a agente Mackenzie White, em treinamento no FBI, esforça-se para deixar a sua marca na Academia do FBI em Quantico, tentando mostrar o seu valor como mulher e como uma profissional vinda de Nebraska. Esperando ter o que é preciso para se tornar uma agente do FBI e deixar sua vida do Centro-Oeste para trás definitivamente, Mackenzie só quer ser discreta e impressionar seus superiores.
Mas tudo isso muda quando o corpo de uma mulher é encontrado em um lixão. O assassino tem semelhanças chocantes com o Assassino Espantalho—o caso que tornou Mackenzie famosa em Nebraska—e na corrida frenética contra o tempo para parar um novo assassino em série, o FBI decide quebrar o protocolo e dar à Mackenzie uma chance de atuar no caso.
É a grande chance de Mackenzie, sua chance de impressionar o FBI—mas as apostas nunca foram tão altas. Nem todo mundo a quer no caso, e tudo o que ela faz parece dar errado. À medida que a pressão aumenta e o assassino ataca novamente, Mackenzie se encontra como uma voz solitária em um mar de agentes experientes, e ela logo percebe que está sendo considerada. Seu futuro com o FBI está em perigo.
Tão duro e determinado quando Mackenzie e, tão brilhante como ela é para caçar assassinos, este novo caso é um enigma impossível, algo que está além de seu alcance. Ela pode nem ter tempo para decifrá-lo já que sua própria vida desmoronou em torno dela.
Um enigma psicológico sombrio com um emocionante suspense, ANTES QUE ELE VEJA é livro nº2 de uma série extremamente interessante—com uma personagem apaixonante— que fará você virar páginas e páginas até tarde da noite.

8º Sem pistas – Blake Pierce;

Mulheres aparecem mortas nos arredores rurais de Virgínia , assassinadas de formas grotescas e, quando o FBI é chamado , eles ficam perplexos . Um assassino em série está à solta, seus atos são cada vez mais frequentes, e eles sabem que há apenas uma agente boa o suficiente para resolver este caso: a agente especial Riley Paige .
Riley encontra-se afastada do trabalho, recuperando-se de seu encontro com o último assassino em série. Frágil do jeito que está, o FBI se vê relutante em pedir ajuda à sua mente brilhante. No entanto, Riley, precisando lutar contra seus próprios demônios, entra no caso e sua investigação a leva à perturbadora subcultura de colecionadores de bonecas, a casas de famílias desfeitas e aos lugares mais sombrios da mente do assassino. À medida que Riley decifra os mistérios, ela percebe que está prestes a encontrar o assassino mais perverso que poderia ter imaginado. Em uma corrida frenética contra o tempo, Riley se vê pressionada ao limite; seu trabalho encontra-se em jogo; sua própria família, em perigo e sua frágil psique à beira de um colapso nervoso.
Mesmo assim, uma vez que Riley Paige assume um caso, ela não desiste. Ela fica obcecada pela investigação, levando-a para os cantos mais escuros de sua própria mente, a divisa entre caça e caçador se confundem. Após uma série de reviravoltas inesperadas, seus instintos a levam a um clímax chocante que nem mesmo ela poderia ter imaginado.

9º Todas as mulheres – Carpinejar;

Concebido como um poema de poemas interligados, Todas as Mulheres apresenta um dos mais verticais mergulhos íntimos da contemporânea literatura brasileira e marca também a volta de Fabrício Carpinejar à poesia como quem nunca tivesse partido, sem deixar de ser ao mesmo tempo novo na acepção mais poderosa do termo, o novo quando audácia. Entre tantas manifestações do feminino, Carpinejar redescobre nos amores vividos o primeiro, enquanto busca por aquele que será o último.

10º Uma Dose Mortal – Ágatha Christie;

Pouco depois que Poirot faz a sua periódica visita ao dentista, o profissional é encontrado morto. Tudo indica que se suicidou.
O investigador chefe da Scotland Yard, Japp, pede que ele participe da investigação, rapidamente concluída com a morte de um outro paciente que esteve no consultório do dentista naquele mesmo dia. A conclusão do tribunal foi que o dentista se suicidou porque causou a morte do paciente, injetando nele, por engano, uma dose excessiva de anestésico.
Mas Poirot não se dá por satisfeito. Há outras coisas inexplicáveis misturadas nesta história. Outros pacientes do doutor, que estiveram no consultório naquele mesmo dia, podem estar envolvidos: o grande financista, a mulher benfeitora que usava um estranho par de sapatos (e que depois desapareceu), o jovem revolucionário com cara de assassino (que era o namorado da sobrinha do financista) e o namorado da secretária do dentista, entre outros.

11º Origem – Dan Brown;

Robert Langdon, o famoso professor de Simbologia de Harvard, chega ao ultramoderno Museu Guggenheim de Bilbao para assistir a uma apresentação sobre uma grande descoberta que promete “mudar para sempre o papel da ciência”.
O anfitrião da noite é o futurólogo bilionário Edmond Kirsch, de 40 anos, que se tornou conhecido mundialmente por suas previsões audaciosas e invenções de alta tecnologia. Um dos primeiros alunos de Langdon em Harvard, há 20 anos, agora ele está prestes a revelar uma incrível revolução no conhecimento… algo que vai responder a duas perguntas fundamentais da existência humana.
Os convidados ficam hipnotizados pela apresentação, mas Langdon logo percebe que ela será muito mais controversa do que poderia imaginar. De repente, a noite meticulosamente orquestrada se transforma em um caos, e a preciosa descoberta de Kirsch corre o risco de ser perdida para sempre.
Diante de uma ameaça iminente, Langdon tenta uma fuga desesperada de Bilbao ao lado de Ambra Vidal, a elegante diretora do museu que trabalhou na montagem do evento. Juntos seguem para Barcelona à procura de uma senha que ajudará a desvendar o segredo de Edmond Kirsch.
Em meio a fatos históricos ocultos e extremismo religioso, Robert e Ambra precisam escapar de um inimigo atormentado cujo poder de saber tudo parece emanar do Palácio Real da Espanha. Alguém que não hesitará diante de nada para silenciar o futurólogo.
Numa jornada marcada por obras de arte moderna e símbolos enigmáticos, os dois encontram pistas que vão deixá-los cara a cara com a chocante revelação de Kirsch… e com a verdade espantosa que ignoramos durante tanto tempo.

12º Os segredos de uma encantadora de bebês – Tracy Hogg

Há um insidioso mito de que todos os pais devem desistir não apenas do sono, mas também de toda a vida durante o primeiro ano do bebê. Tendo trabalhado com mais de 5 mil bebês nos últimos vinte anos, tracy tem a rara capacidade de entender todos os murmúrios e brados de um bebê, o que lhe valeu o apelido de A Encantadora de Bebês. Assim que ouve o “lamento” de um bebê, Tracy é capaz de dizer se ele está faminto, cansado, agoniado ou apenas precisando de um pouco de carinho. Poré, seu talento mais surpreendente é a capacidade de ensinar aos pais uma forma de também eles “encantarem” seus filhos.
Neste livro bem-humorado, Tracy centraliza seu vasto conhecimento (e também uma alta dose de bom senso) em programas de educação simples e fáceis, que os pais podem adotar logo nas primeiras semanas de vida do bebê.
Inspirador, realista e muitas vezes insólito, Os Segredos de uma Encantadora de Bebês promete aos pais não apenas um bebê mais sadio e satisfeito, como também um lar mais relaxado e feliz.

13º Origem – Um segredo que pode ser a nossa destruição – J.T. Brannan;

Se a humanidade achava que conhecia suas origens, chegou a hora de repensar tudo, porque todas as crenças estão prestes a ser questionadas…
A pesquisadora científica Evelyn Edwards e sua equipe descobrem um corpo de 40 mil anos enterrado sob a calota polar da Antártida. Mas, quando começam a extrair o corpo do gelo, o sonho se transforma em um horrível pesadelo quando todos são marcados para a morte por alguém que quer manter enterrado esse segredo. Evelyn mal consegue escapar com vida. Ela pede ajuda a seu ex-marido Matt Adams, antigo membro de uma unidade de elite do governo.
Logo eles se veem envolvidos em uma corrida alucinante contra o tempo, que os leva ao Grande Colisor de Hádrons, em Genebra, enquanto tentam desvendar a maior conspiração de todos os tempos, antes que seja tarde demais para a espécie humana.

14º Cartas de amos – Montero Lobato;

O homem do petróleo e do aço, o ativista político implacável. O autor das páginas mais significativas da literatura infantil brasileira e de uma importante obra adulta que mostra o cotidiano e as mazelas da sociedade da primeira metade do século 20. Este é o Lobato que todos conhecem, que aprendemos desde as primeiras leituras da vida a admirar… No entanto, agora é possível saber mais sobre um outro lado do autor, que pode parecer surpreendente à distância das décadas, num momento em que sua imagem e mito estão postos: o jovem missivista, que trocou cartas de amor com Purezinha, carinhoso apelido daquela que viria a ser sua esposa até o final da vida.
Essa correspondência foi minuciosamente colecionada pela namorada. Num primeiro momento, como se fazia na época, pelo romantismo (que ainda havia) de manter as palavras de carinho para sempre relembrá-las. Mais tarde, pela noção de responsabilidade de guardar os escritos daquele que havia se tornado um dos mais importantes e ativos autores de língua portuguesa de seu tempo.
O zelo acabou resultando numa compilação que faz parte do importante trabalho de resgate da obra de Lobato. O leitor vai poder acompanhar (e, de alguma forma, viver) as situações de uma época diferente, na qual o imediatismo das trocas de mensagens eletrônicas não existia, e havia mais espaço para a reflexão e o apuro estilístico, mesmo em se tratando de cartas entre apaixonados. Lobato se revela inteiro nessa obra, um presente para seus fãs. Mas também uma oportunidade de conhecer pelas mãos de um grande escritor como o amor profundo, que se sabia para toda a existência, podia inspirar belas páginas em tempos menos acelerados.

15º Guia politicamente incorreto do sexo – Luiz Felipe Pondé;

Provavelmente, o “Guia Politicamente Incorreto do Sexo” será o mais polêmico de todos os guias da série publicado até o momento. Nele, Luiz Felipe Pondé mergulha num terreno delicado do comportamento humano: a vida sexual.
“O politicamente correto provoca um estrago em nossa vida sexual e afetiva, transformando-a num inferno maior do que já é, e nos impondo agendas políticas que são desejadas por uma minoria de pessoas mal-amadas. A praga do politicamente correto destrói, no campo do sexo e do afeto, uma miríade de relações microscópicas construídas ao longo de milhares de anos entre homens e mulheres a fim de dar conta dessa insustentável paixão que um tem pelo outro, seja nas suas formas legítimas, como casamento e família, seja nas suas formas ilegítimas, como o adultério e os segredos de alcova.” L.F.Pondé.

16º A Bibliotecária – Logan Belle;

A jovem Regina Finch acaba de chegar a Manhattan para trabalhar na Biblioteca Pública de Nova York. Mas o que parecia ser a promessa de uma rotina tranquila em meio a clássicos da literatura logo se revela um irresistível jogo de sedução quando ela conhece o envolvente Sebastian Barnes, investidor da instituição e um dos homens mais cobiçados da cidade, que fica obcecado pela beleza da bibliotecária. A até então ingênua Regina se entrega a um crescente e selvagem desejo que parece consumi-la mais a cada dia, uma paixão que despertará na jovem sensações jamais imaginadas.

17º Assassinato no expresso do oriente – Ágatha Christie;

Pouco depois da meia-noite, uma tempestade de neve pára o Expresso do Oriente nos trilhos. O luxuoso trem está surpreendentemente cheio para essa época do ano. Mas, na manhã seguinte, há um passageiro a menos. Um americano é encontrado morto em sua cabina, com doze facadas, e a porta estava trancada por dentro. Pistas falsas são colocadas no caminho de Hercule Poirot para tentar mantê-lo fora de cena, mas, num dramático desenlace, ele apresenta não uma, mas duas soluções para o crime.

18º Do que é feita uma garota – Caitlin Moran.

Imagine a voz de Sylvia Plath em Grease, com trilha de My Bloody Valentine e Velvet Underground. Um romance de formação hilário, sobre como é difícil se tornar alguém “Wolverhampton, em 1990, parece uma cidade a que algo terrível aconteceu.” Talvez tenha acontecido de fato. Talvez seja Margaret Thatcher, talvez seja a vergonha que Johanna Morrigan passou num programa da TV local aos catorze anos. Nossa protagonista decide então se reinventar como Dolly Wilde — heroína gótica, loquaz e Aventureira do Sexo, que salvará a família da pobreza com sua literatura. Aos 16 anos, ela está fumando, bebendo, trabalhando para um fanzine de música, escrevendo cartas pornográficas para rock stars, transando com todo tipo de homem e ganhando por cada palavra que escreve para destruir uma banda. Mas e se Johanna tiver feito Dolly com as peças erradas? Será que uma caixa de discos e uma parede de pôsteres bastam para se fazer uma garota?

Bom pessoal, esses foram os livros lidos em 2017. Amei cada um á sua maneira. Confesso que os da Ágatha Christie foram os que mais gostei, além claro o do Dan Brown. 

 

 

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s